13 de jul de 2016

Ruivos podem entrar em extinção por causa do aquecimento global, de acordo com cientistas

  • O gene responsável pela coloração vermelha do cabelo pode estar a caminho de enfrentar uma extinção.

Conforme reportado pelo jornal inglês The Independent, ele é pensado para surgir em razão do tempo nublado na Escócia, algo que o país está enfrentando cada vez menos. Logo, se as previsões do aumento de temperatura estiverem corretas, a mutação genética que produz cabelos ruivos e pele pálida pode regredir.

Segundo o Dr. Alistair Moffat, diretor da ScotlandsDNA da cidade de Galashiels, os cabelos vermelhos na Escócia, Irlanda e Norte da Inglaterra são uma adaptação ao clima. “Eu acho que a razão para a pele clara e cabelo vermelho é que nós não temos bastante Sol e nós temos que obter toda a vitamina D de qualquer forma”, disse. “Se o clima está mudando, tornando-se mais turvo ou menos turvo, então isso vai afetar o gene”. Segundo ele, neste cenário onde há mais Sol, haveriam menos pessoas transportando o gene, o que eventualmente poderia causar sua extinção.

Outro cientista, que não quis ser identificado devido à natureza teórica do trabalho, disse em entrevista à ScotlandNow: “Acho que o gene recessivo está morrendo lentamente. Com a mudança climática pode haver um declínio no número de pessoas com cabelo vermelho na Escócia, mas levariam muitas centenas de anos para que isso aconteça”.


Ainda segundo ele, os cabelos vermelhos e olhos azuis não estão adaptados a um clima quente. “É apenas uma teoria, mas o gene recessivo, provavelmente, pode estar em perigo de ser perdido”.

Conforme reportado pela revista Mundo Estranho, essa mutação genética surgiu há milhares de anos no norte da Europa, mas com a mistura da globalização, o gene ficou cada vez mais raro. Logo, para que uma pessoa nasça ruiva é necessário que ambos os pais possuam uma variação do gene recessivo MC1R.

De acordo com o The Independent, apenas 1-2% da população mundial tem cabelos vermelhos. Embora cerca de 13% da população da Escócia seja ruiva, estima-se que 40% podem estar transportando o gene, tornando-se o local com maior concentração de ruivos de todo o planeta.

Fonte



. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails