8 de fev de 2014

10 casos de gêmeos siameses que marcaram a história

Esse é o tipo de assunto que me chama a atenção, já pesquisei muito, já li bastante, mas sempre ficam perguntas e geralmente de cunho íntimo. Enfim, que não pensa sobre o assunto? Mas, nessa postagem você vai conhecer os 10 casos mais famosos que se tem conhecimento.

Gêmeos siameses, o nome popular para os gêmeos xipófagos, ocorrem quando um óvulo que começou a se dividir em gêmeos idênticos para no meio do processo (ou, como diz a teoria alternativa, dois embriões que acabam se fundindo). Este capricho da natureza pode unir duas pessoas pelos mais diferentes lugares – desde o tórax até as nádegas – tornando a vida, no mínimo, difícil.

Na maioria das histórias retratadas abaixo, a falta de tecnologia médica tornou impossível a separação cirúrgica, mesmo nos casos em que os gêmeos não compartilhavam os órgãos internos. Entretanto, mesmo hoje em dia, algumas famílias optam por não submeterem seus filhos a tal procedimento, com medo dos riscos inerentes ao processo.

Apenas um a cada quatro par de gêmeos siameses sobrevive. No entanto, quando observamos tempos em que as pessoas eram menos escrupulosas sobre o que constitui o entretenimento do público, aqueles que sobreviviam podiam se tornar celebridades num piscar de olhos. Como provavelmente tinham poucas opções para ganhar dinheiro, muitos gêmeos siameses se tornaram atrações de circo, transformando suas vidas em uma exibição pública.

7 de fev de 2014

Cientistas da Transilvânia desenvolvem sangue artificial

  • Caso se confirme essa descoberta seria algo extraordinário para a medicina mundial

A localidade conhecida mundialmente pela lenda do Drácula agora também poderá ficar conhecida, coincidentemente, por um experimento envolvendo sangue. Na cidade de Cluj-Napoca, na província da Transilvânia, na Romênia, foi realizado pela primeira vez, e com sucesso, um teste com uso de sangue artificial. 

O trabalho, liderado pelo pesquisador romeno Dr. Radu Silaghi-Dumitrescu, da Universidade BabeÅŸ-Bolyai, fez uma experiência ao longo de seis anos com ratos, em que não foram registrados efeitos nocivos. Agora, sua equipe busca a aprovação para teste em humanos nos próximos anos, de acordo com a publicação Medical Dailly.

Este sangue artificial é produzido com uma substância chamada hemerythrin, uma proteína extraída de vermes marinhos, misturada com água e sais. A hemerythrin transporta o oxigênio no sangue de invertebrados marinhos, enquanto os testes anteriores de sangue artificial contaram com a hemoglobina, a proteína que transfere oxigênio no sangue de quase todos os organismos vivos. Enquanto a hemoglobina é muito sensível a tensões físicas e químicas quando introduzida em um organismo vivo, a equipe de pesquisa descobriu que a hemerythrin é muito mais resistente e adequada para processo de transfusão.

6 de fev de 2014

Pesquisadora afirma que é possível trazer dinossauros de volta à vida

  • Eu morro e não vejo tudo... ser humanos malucos

Com tanta coisa para pesquisar, essa criatura perde tempo em algo tão absurdo. Imagine esses monstros de volta a vida. 

A bioquímica britânica Alison Woollard, da Universidade de Oxford, disse em nota publicada na revista GMA News, que é possível reconstruir os genomas dos dinossauros, alterando o DNA das aves da atualidade. 

"Sabemos que as aves são descendentes dos dinossauros, segundo o que aponta uma série de achados fósseis que compreendem a evolução da linhagem destes animais desde criaturas como o Velociraptor e o Tyrannosaurus rex até as aves voadoras atuais". 

De acordo com a pesquisadora, o Archaeopteryx, que viveu há 150 milhões de anos, serve como prova evidente da transição dos dinossauros para as aves.

5 de fev de 2014

As lentes de contato do futuro

  • Elas não são apenas para melhorar a visão

O que esperar do futuro? As coisas que a gente ver por ai, onde cientistas mostram criações inimagináveis, nos deixa uma questão: como estaremos daqui há vinte anos? 

Só de imaginar, fico com uma vontade enorme de ser imortal, só para presenciar essas criações de perto.

Uma empresa norte-americana promete lançar, em breve, uma lente de contato com um sofisticado sistema com vídeo de alta definição, com projeção de imagens sobre o globo ocular. Trata-se do iOptik, que permite ao usuário visualizar imagens em sua lente de contato como se fosse uma tela microscópica.

As lentes, elaboradas a partir do trabalho de pesquisa do grupo Innovega, podem ser colocadas diretamente sobre o globo ocular como qualquer outra. Com a adição de um par de óculos, extremamente leve e especialmente desenhado, o usuário pode assistir a imagens como se estivesse diante de uma televisão de 240 polegadas, a uma distância de três metros.    Os óculos são equipados com minúsculos projetores, para receber a imagem, e as lentes se encarregam do resto, atuando como operadoras das imagens sobre o globo ocular. O sistema é compatível com smartphones e outros dispositivos móveis, em que os registros de vídeo podem ser obtidos.

Veja o vídeo:

4 de fev de 2014

Mistério ainda sem respostas. O relógio encontrado em tumba da dinastia Ming, de 400 anos

  • Como explicar algo dessa magnitude, você consegue?

Viajante do tempo? Outra civilização? Isso é de pirar o cabeção!

Uma legião de fanáticos por enigmas históricos já conhece esta terminologia, mas para os que não sabem OOPArt é uma sigla para Out of Place Artifact (Objetos fora de lugar). 

Trata-se da descoberta de objetos durante escavações arqueológicas, paleontológicas ou mesmo por acaso, que, por suas características, não condizem de forma alguma com o local ou época em que são encontrados.   

Esses objetos anacrônicos, que passaram a ser denominados pela sigla OOPArt pelo escritor e biólogo escocês Ivan T. Sanderson (1911-1973), costumam ser considerados por parte das pessoas como uma evidência de um suposto contato em nosso planeta com civilizações extraterrestres. 

3 de fev de 2014

Objetos fora do tempo: As incríveis caveiras de cristal

  • Isso é um dos maiores mistérios da humanidade e que perdura há anos

Se você nunca ouviu falar dessas caveiras, prepare-se para ficar intrigado. Para mim é um assunto incrível que mexe com nossa imaginação.

As chamadas “treze caveiras de cristal” são um dos intrigantes casos de OOPArt (objetos fora de sua época e lugar). 

De acordo com uma interpretação de uma lenda maia, antes do continente de Atlântida afundar, foram espalhados pelo mundo treze crânios pertencentes aos seus habitantes e, quando estes objetos forem reunidos em um único ponto do planeta, darão lugar a um fato extraordinário – possivelmente, o ressurgimento de toda a misteriosa história e ciência dos habitantes de Atlântida.   

Uma das interpretações dessa lenda diz que cada um dos crânios corresponde a um dos vários planetas que os humanos habitavam. Isso significa que somente o crânio de número 13 tem sua origem na Terra. Até o momento, foram encontrados oito crânios de cristal, os quais foram batizados com seus respectivos nomes. Especialistas os relacionam à lenda mais supracitada.    

Sol apresenta atividade nunca vista antes e intriga cientistas de todo mundo

  • Será que é para ter medo?


Algo estranho se passa com o nosso Sol, um fenômeno que os cientistas admitem não entender completamente. Richard Harrison, diretor de física espacial do Laboratório Rutherford Appleton, em Oxfordshire, na Inglaterra, disse que “nos 30 anos em que tenho trabalhado como físico solar, eu nunca vi nada parecido”. Mesma impressão tem a pesquisadora Lucie Verde, do Laboratório de Ciência Espacial, da University College London: “para mim e para muitos outros cientistas solares, isso nos tomou de surpresa”. 

Mas, o que será que está acontecendo? Será que o Sol está numa época de “cochilo”? De acordo com os pesquisadores, parece que ele realmente está dormindo, ou tirando uma soneca inesperada. O certo é que seu período atual de tranquilidade desafia qualquer cálculo. Faz 100 anos que nossa estrela não se mostra tão calma, o que é surpreendente, pois esperava-se que estivesse em uma intensa atividade, já que, teoricamente, atravessa o auge do seu ciclo de onze anos. 

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails