2 de ago de 2014

Empresa aluga homens como servos pessoais

  • Um ramo de negócio que tem tudo para dar certo ou, pelo menos, chamar a atenção

Quando as profissionais de publicidade Josephine Wai Lin e Dala Khajak decidiram começar um negócio próprio, sabiam que tinha que ser algo peculiar e original. Sua nova startup é chamada "Manservants", basicamente um serviço de aluguel de homem, que possibilita a qualquer mulher, que pode pagar, a chance de ter um homem de boa aparência atendendo-a em cada necessidade.

Você não pode deixar de se perguntar se a coisa toda é uma paródia, mas os fundadores insistem que é um serviço real:

- "Não é um stripper que fica nu e esfrega seu corpo gorduroso em cima de você", declara o site. - "É um escravo. Um cavalheiro que vai te tratar como uma rainha."

Com Manservants, os fundadores afirmam que a mulher pode agora fazer uso de um homem exatamente do jeito que ela quiser. Quando ela contrata um de seus acompanhantes, pode chamá-lo de tudo o que ela gosta e ele vai responder ao seu novo nome sem pestanejar: Juca, Tadeu, Bartolomeu... não importa. E poderá ter alguém que seja exatamente o tipo dela.

1 de ago de 2014

Festa baseada em feromônios humanos ajuda solteiros a “farejarem” o seu par perfeito

  • A festa de feromônio é a última tendência na cena internacional do namoro e da azaração

Esses eventos permitem que os homens e mulheres fiquem a vontade para ‘cheirar’ o parceiro ideal. É isso mesmo que você leu, eles farejam possíveis pares!

Ao invés de se encontrarem cara a cara, as pessoas nessas festas saem por aí cheirando sacos de roupas descartadas, usadas por um parceiro em potencial. Quando o cheiro parece certo, do agrado olfativo da pessoa, é hora de conhecê-la.

Para participar de uma festa de feromônio, você tem que primeiro concordar em usar a mesma camiseta de algodão por três noites seguidas, sem o uso de qualquer desodorante ou perfume. Você, então, tem que trazer sua roupa com infusão de odor para a festa em um saco plástico transparente.

Em seguida, você escolhe aleatoriamente sacos pertencentes ao sexo oposto - etiquetas cor de rosa para as mulheres e azul para os homens - até encontrar um que você realmente pareça gostar. É preciso tirar uma foto sua segurando o saco - todas as imagens são projetadas na parede e, em seguida, você começa a conhecer a pessoa dos seus sonhos - ou dos seus cheiros.

31 de jul de 2014

As misteriosas pedras que crescem

  • As pedras não são seres vivos, disso todos nós sabemos. Mas, então, porque essas pedras estão crescendo?

Isso mesmo, as "Trovants" assim conhecidas como pedras que literalmente crescem. Um fenômeno geológico que intrigou pesquisadores da Romênia. 

Os trovants estão localizados em um pequeno vilarejo chamado Costesti, no Condado de Valcea - Romênia, o que á um século era utilizado pelos moradores da vila em construções civis, hoje é patrimônio da humanidade reconhecido pela UNESCO, como Museu Romeno da Reserva Natural Trovant.

Os primeiros trovants foram criados por terremotos ocorridos na região há 6 milhões de anos atrás. Os trovants tem núcleos duros e uma camada externa feita de areia. Após uma chuva, ocorre

o "milagre"... esta areia secreta um cimento que aumenta o tamanho da pedra. Os cientistas acreditam que as pedras aumentam de tamanho devido ao alto teor de sais minerais, que estão sob sua concha. Quando a superfície fica molhada, estes produtos químicos começam a se espalhar e colocar pressão sobre a areia, fazendo a pedra "crescer".

30 de jul de 2014

Conheça as Aranhas Espelhos

  • Estas aranhas parecem estar cobertas de espelhos

Isto não é uma escultura de vidro colorido ou uma pequena jóia delicada – é uma aranha de verdade. Estes animais, chamados de aranhas espelho ou aranhas lantejoulas, são membros de várias espécies do gênero Thwaitesia, que apresentam manchas prateadas em seu abdômen.

As escamas parecem pedaços de espelho colados à traseira da aranha, mas podem mudar de tamanho se o bicho se sentir ameaçado. As escamas espelhadas são compostas de guanina reflexiva, que estas e outras aranhas usam para se colorir.

Não se sabe muito sobre esses animais maravilhosos, mas os espécimes destas fotos foram fotografados principalmente na Austrália e Singapura.

Veja mais fotos:

29 de jul de 2014

Cerveja defumada com cocô de ovelha é a grande novidade na Islândia

  • No happy hour dessa semana, esqueça sua cerveja brasileira de milho e peça uma bem diferente!


Adoro cerveja e uma dessa eu não encaro de maneira alguma

Se você estivesse na cervejaria Borg Brugghús, na Islândia, poderia experimentar a Fenrir Nr.26, a famosa cerveja feita com cocô de ovelha.

De acordo com matéria divulgada pela CNN, há um processo de horas de defumação na cevada maltada, com o adicional de excrementos de ovelhas islandesas.

Segundo Sturlaugur Jon Björnsson, um dos especialistas em cerveja da Borg, a cerveja é do tipo ‘ale’, ou seja, de alta fermentação. Porém, seu sabor é mais delicado e tem notas cítricas e de lúpulo, deixando um sabor, digamos, exótico no final. Talvez a palavra ideal, seja um sabor de cocô.

Você pode estar achando muito estranho, mas na Ásia já existem variados tipos de cerveja feitas a partir do excrementos de animais.

28 de jul de 2014

Artista cria uma nova árvore que produz 40 tipos diferentes de frutas por ano

  • Sam Van Aken, professor de arte da Universidade de Syracuse, EUA, cresceu em uma fazenda da família antes de correr atrás de seu sonho de ser artista.


Agora, ele resolveu unir o seu conhecimento do passado com o de sua profissão para desenvolver sua incrível árvore que produz 40 tipos de frutas diferentes.

Em 2008, Van Aken descobriu que um pomar situado na Estação Experimental Agrícola do Estado de Nova York estava prestes a ser fechado devido à falta de financiamento. Este único pomar chegou a produzir variedades antigas e raras de frutas de caroços. Algumas de até 200 anos de idade.

Foi então que ele resolveu comprar o pomar, com o intuito de cultivar e preservar essas raras variedades de frutas de uma forma diferente. Van Aken passou alguns anos tentando descobrir como enxertar partes das árvores em uma única árvore frutífera.

Trabalhando com um grupo de mais de 250 variedades de frutas de caroço, Van Aken desenvolveu um método em cronograma que fazia cada espécie florescer se relacionando com outra, realizando, simultaneamente, enxertos na estrutura da raiz. Após a árvore experimental completar dois anos, a equipe usou uma técnica chama “chip de enxerto”, adicionando as variedades em ramos distintos. Esta técnica envolve a retirada de um pedaço de uma árvore de fruta, com sua semente, inserindo-o em uma incisão na árvore experimental.

27 de jul de 2014

Mulher esquece brinquedinho sexual no órgão genital por 10 anos

  • Caso de escocesa foi divulgado depois de ela ter ido parar no hospital em um quadro de infecção grave

O título dessa notícia até parece uma brincadeira, mas é a mais pura verdade. Uma escocesa, de 38 anos, simplesmente esqueceu um brinquedo sexual no canal de sua vagina por 10 longos anos. 

Ela só foi descobrir que estava lá quando foi parar no hospital em um quadro de infecção grave, que quase a matou.

Somente durante essa internação é que os médicos encontraram o “sex toy” dentro do órgão genital da mulher, que não teve sua identidade revelada. O caso foi apresentado em um artigo do Journal of Sexual Medicine.

  • Noite “esquecível”?

Segundo o Daily Mail, a mulher procurou atendimento médico ao contrair septicemia, depois de apresentar outros sintomas, como fadiga extrema, tremores, forte perda de peso, dores e incontinência urinária.

Quando os médicos do Hospital Aberdeen Royal a examinaram, ficaram muito surpresos ao encontrar um objeto com cerca de 12 centímetros na vagina da moça. O item estava saliente e se projetando do canal vaginal para a bexiga da mulher de forma prejudicial, o que causou vários problemas.

A equipe médica ficou ainda mais admirada quando a mulher lembrou que havia usado o brinquedinho sexual com seu parceiro há dez anos. Ela também admitiu que estava sob a influência do álcool na ocasião, mas alegando que de fato nunca havia se dado conta se tinha removido o objeto ou não.

De acordo com o artigo do Journal of Sexual Medicine, a mulher tinha um QI normal, sem sinais de depressão ou psicose, assim como também não havia sofrido nenhum abuso. Mas o acessório do prazer lhe causara danos quase fatais.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails