19 de nov de 2016

Post de Sucesso - Mulheres musculosas - Fisiculturismo feminino

Todo Sábado 
Decidi trazer alguns posts de sucesso do Blog (postado em 13/03/2011)
  • Beleza fora dos padrões 
Meu objetivo em reunir essas fotos foi criar uma discussão sobre a beleza e sensualidades de um grupo de garotas com atitude que tentam fugir dos padrões definidos pelo senso comum e criaram uma nova estética feminina.

O fisiculturismo feminino (bodybuilding em inglês) é o esporte que tem como objetivo aumentar a massa muscular ao máximo e indeterminadamente.

O fisiculturismo feminino começou nos anos setenta quando as mulheres começaram a tomar parte nas competições.

Origens

Competições destinadas à musculação feminina remontam a pelo menos os anos sessenta, com competições como o Miss Physique e Miss Americana. Porém, estas competições primordiais de fisiculturismo feminino realmente não eram muito mais que competições de biquíni. O primeiro U.S. Women's National Physique Championship foi assegurado em Cantão, Ohio, 1978, e é geralmente considerado como o primeiro verdadeiro campeonato de fisiculturismo feminino - quer dizer, a primeira competição onde os concorrentes foram julgados somente em muscularidade.


Padrões e discriminação sexista

18 de nov de 2016

Gina Responde - Episódio 06


  • Gina abre o jogo e conta alguns segredos.

Gina é a personagem da peça "DIÁRIO DE UMA VAGINA" que agora tem seu próprio programa no youtube. O programa consiste em ela, de forma humorada e extravagante, responder a qualquer pergunta enviada a ela, relativa a sexo ou sexualidade.

Já estamos com vários participantes, então não perca a chance de ser um deles. Mande sua pergunta escrita ou em vídeo para o email abaixo e participe. TODA SEXTA UM EPISÓDIO NOVO.

diariodeumavagina@gmail.com

Ficha técnica do DIÁRIO DE UMA VAGINA:

Atuação - Indaiá Oliveira
Texto e direção - Lucas Bertolucci
Direção - Grasca Souto
Direção de movimento - Christiane Veigga

Realização: CIA QUINTETO DE 4

Conheça nosso blog, canal de youtube e página no Facebook:

17 de nov de 2016

Margherita Guglielmina, a última bruxa assassinada na Itália

No dia 22 de janeiro de 1828, uma mulher, chamada Margherita Guglielmina, acusada de bruxaria, teria sido assassinada em Cervarolo, um pequeno povoado localizado na região de Piemonte, no norte da Itália. Sua morte pôs fim à caça às bruxas no país que, assim como em toda a Europa, havia sido dominado pela Igreja Católica, no período sombrio chamado de Inquisição.

Segundo informações do site de noticiais espanhol Supercurioso, Margherita, conhecida como “La Stria Gatina”, vivia na aldeia de Cervarolo, que, em 1828, possuía cerca de 1.200 habitantes dedicados às tarefas tradicionais dos povos dos Alpes. Tratava-se de um lugar tranquilo, onde jamais poderia se imaginar que algo incomum acontecesse – exceto pela morte trágica de Margherita.

16 de nov de 2016

Jovem vive com uma cobra que ele acha que é sua namorada morta reencarnada

De acordo com um post nas mídias sociais, que recentemente se tornou viral, um jovem devastado pela morte de sua namorada acabou ficando muito ligado a uma cobra de uns 3 metros que ele acredita que é sua parceira reencarnada. 

Nos últimos dois anos, os dois se tornaram inseparáveis, fazendo tudo juntos, desde assistir TV até ir à academia. A história bizarra foi originalmente publicada na página de Worranan Sarasalin de Kanchanaburi, na Tailândia, juntamente com um conjunto de fotos do homem e sua amada cobra em várias circunstâncias.

Sarasalin, que cobre uma variedade de notícias locais diariamente, afirma que o homem sem nome desenvolveu uma ligação incomum com o grande réptil depois de notar uma "semelhança impressionante" com sua namorada falecida e se convenceu que ela voltou à vida como a serpente.

15 de nov de 2016

Os coloridos retratos bordados de Danielle Clough

A artista da cidade do Cabo, Danielle Clough retrata amigos e entes queridos (e também animais), adaptando fotografias em preto e branco em obras multicoloridas e cheias de energia alucinante. 

As obras resultantes muitas vezes não estão ligadas às cores reais senão que são a pura expressão da alegria surreal vibrante com laranjas, púrpuras e azuis brilhantes. 

A maior parte das obras apresentadas neste post foram produzidos por Danielle para o próximo livro "Queer Africa II", uma coleção de novas histórias sobre o amor no continente africano.

Os editores do referido livro ficaram interessados no trabalho de Danielle por causa da ligação conceitual de seu fio em camadas com as narrativas pessoais contadas no livro, pois acreditam que metaforicamente acrescentam significado e fala para a natureza ziguezagueante de natureza humana.

O livro será lançado no próximo mês através dos Livros da MaThoko e estará disponível on-line através da Amazon e na African Books Collective. Você pode ver mais obras de Danielle em seu Instagram, e também aprender o processo de seus bordados em seu blog.

13 de nov de 2016

Este homem saiu para tomar uma e quando voltou era o único sobrevivente de sua cidade

Nascido em 1875 na ilha caribenha da Martinica, Ludger Sylbaris trabalhava como operário na cidade de Saint-Pierre. Mais conhecido com Sanson, ele era um homem enorme, notório cu-de-encrenca que vivia arrumando confusão, principalmente quando bebia. 

Na noite de 7 de maio de 1902, ele saiu para tomar uma bebida e acabou causando um tumulto onde surrou um outro bêbado. Este incidente levou-o a um confinamento solitário na cadeia. Para ensinar lhe uma lição, a polícia o trancou em uma única cela, parcialmente subterrânea.

A solitária nem sequer tinha uma janela, além da pequena fenda na porta, pleno breu. Ficar preso neste pequeno espaço, porém, mais tarde salvou sua vida. Acontece que no dia seguinte, o vulcão do Monte Pelée, localizado perto de Saint-Pierre, começou a entrar em erupção. O vulcão, na verdade, já vinha ameaçando entrar em erupção por mais de uma semana e milhares de moradores deixaram o campo e se abrigaram na cidade, o que provou ser um erro fatal.

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails