8 de nov de 2013

Mudando a Tatuagem

  • Dando cara nova a uma roupagem antiga


Quem tem tatuagem sabe que as vezes enjoamos dela e dá uma vontade enorme de mudá-la.

Existe muito perigo em fazer isso, pois se não for um bom profissional, o resultado pode ser desastroso.

Logo, se deseja fazer essa mudança, não procure apenas um tatuador, procure um que seja um artista.

Veja alguns exemplos:

7 de nov de 2013

AS 100 ESTÁTUAS QUE MOBILIZARAM UMA CIDADE

Uma história interessante e o lugar onde essas estátuas ficaram é algo perturbador, afinal, você ver 100 homens iguais olhando por horizonte, é de meter medo


A ideia de ter 100 estátuas exatamente iguais num mesmo espaço dá uma sensação de monotonia, não acha? Afinal, sair pra ver uma exposição de arte é quase sempre uma busca por descobertas e sentimentos até então desconhecidos.

Mas o escultor britânico Antony Gormley conseguiu não só chamar a atenção, mas também mobilizar uma cidade inteira em torno de sua obra, que consiste examente no que falamos ali em cima: 100 estátuas idênticas, numa instalação que ele batizou de Another Place (Um Outro Lugar).

Pra isso, ele utilizou algo conhece muito bem: o seu próprio corpo. Todas as estátuas são um retrato fiel do corpo de Anthony em tamanho real e completamente nu.

E como não poderia deixar de ser, essa parte da nudez causou bastante polêmica pelos vários lugares em que a obra foi exposta. Mas ao mesmo tempo, foi o fator responsável por mudar o futuro dessa obra, que foi criada com o intuito de ser itinerante.

DISNEYLÂNDIA DE DEUS - Um lugar abandonado e sinistro

  • Você pode achar que isso é piada, mas esse lugar existiu e ainda está lá, vazio e assustador

A quantidade de produtos relacionados à religião no mundo inteiro é tão grande que não causa muito espanto saber que alguém teve a ideia de construir um parque temático de Deus.

Espanta menos ainda saber que essa ideia saiu do papel e esse parque efetivamente existiu.

Agora, é difícil entender porque esse parque fracassou, mesmo com o imenso número de religiosos ao redor do planeta.

Mas vamos tentar entender isso, começando pelo… começo! A Holy Land USA (Cidade Sagrada EUA) foi inaugurada em 1958, na cidade de Waterbury, estado de Connecticut, perto da Nova Iorque.

A ideia principal do parque era a de proporcionar dias de paz a quem se hospedasse lá, não importando a religião. Qualquer pessoa era bem vinda, independente da crença.

A maioria dos trabalhadores que construíram a cidade era de voluntários, que usaram uma grande quantidade de material reaproveitado e reciclado pra fazer da Holy Land algo verdadeiramente diferente do que existia nos Estados Unidos naquela época.

Inclusive, visualmente, o impacto era bem grande pra quem chegava lá. A cidade era uma réplica bastante fiel de Belém e de pontos conhecidos da Terra Santa.

5 de nov de 2013

Motéis bizarros pelo mundo

Os populares “Love Hotels”, ficaram famosos no Mundo em 1960, mais especificamente nos arredores de Osaka. Em pouco tempo, eles se tornaram estabelecimentos mais conhecidos e que foram capazes de agradar diferentes tipos de público. 

Desde os casais mais jovens que querem ter um momento de intimidade aos mais velhos e casados visitam esses motéis. Afinal, não é comum as pessoas encontrarem um espaço privado e longe de todos.

Muitos desses motéis são bastante parecidos com os que existem no Brasil – quartos mais espaçosos e com pequenos luxos. Entretanto, existem aqueles que possuem temas e conceitos de todos os gêneros, desde os mais engraçados até os mais esquisitos. Os estabelecimentos não são muito discretos, normalmente com fachadas bem escandalosas e que podem ser identificadas rapidamente.

O preço dos quartos é bastante variável, porém não é considerado caro por grande parte dos japoneses. Veja algumas fachadass desses “Love Hostels” e como é o interior desses estabelecimentos do amor.

Motorista de ônibus salva mulher que tentava se jogar de uma ponte

  • Esse merece muitas palmas

Fico feliz quando vejo notícias assim, afinal vivemos uma época que só se mostra, nas mídias, a desgraça alheia e, nada de construtivo se mostra de verdade. Parabéns a esse cara que mostrou humanidade dentro dele.

Em um profundo ato de empatia, um motorista de ônibus na rodovia de Buffalo, Nova Iorque, interrompeu momentaneamente seu trajeto ao ver uma mulher que, de pé à beira de uma ponte, parecia disposta a se jogar e acabar com sua vida.

- "Não parecia normal pelo que acontecia ao redor. O trânsito estava normal, os pedestres caminhavam normalmente", declarou Darnell Barton para explicar por que parou o veículo para, de início, falar à mulher -sem que ela respondesse para além do contato visual- e, depois, para ajudá-la a voltar ao outro lado da ponte.

Barton ganhou a ovação dos passageiros, estudantes adolescentes em sua maioria, mas ao descrever o relatório do acontecido, fez da maneira mais geral possível, pois não queria nenhum tipo de recompensa por sua ação. Ao que parece a mulher também era uma jovem estudante que estava notavelmente perturbada.

- "Estava destinado a estar ali nesse momento para ela. E assim foi", concluiu laconicamente Darnell.




. . .

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails