16 de set de 2011

Fotógrafo arrisca a vida por imagens únicas de lugares altos

  • Marat Dupri dribla guardas de edifícios por vistas raras de Moscou

O fotógrafo russo Marat Dupri, de 19 anos, arrisca a vida subindo em estruturas altas para conseguir imagens únicas e incríveis do mundo abaixo. desde que comprou uma câmera, há 18 meses, o estudante decidiu subir em telhados de casas para capturar vistas espetaculares. Junto com seus amigos e modelos destemidos, ele tem driblado guardas em algumas das estruturas mais altas de Moscou e produz imagens incríveis - e de revirar o estômago.

As fotos mostram adolescentes andando praticamente no céu, a centenas de metros no ar sobre pilares, ou andando a beira de edifícios altos sem nenhum equipamento de segurança.

"Quando eu estou no telhado eu tenho a sensação de que o mundo inteiro está aos meus pés", disse Marat." Todos os meus problemas e dificuldades são deixadas em algum lugar lá embaixo. A altura me estimula. Eu estou curtindo as vistas da minha cidade natal. Ela me dá energia e enche de entusiasmo para fazer novas e ótimas fotos."




Pode ter certeza que não faria isso. Tenho verdadeiro pavor de altura. Uma vez fiquei paralizado em cima do Castelo Garcia D'Ávila em Praia do Forte - Bahia. Fui inventar de escalar o castelo com um amigo, chegando lá em cima, simplismente congelei. Foi o maior mico, meu amigo teve que ir me pegar e todos que estavam lá ficaram me olhando. Situação rídicula, diga-se de passagem que não sabia que tinha esse pavor.(rs)






. . .

Um comentário:

Um Oficial com Espada Própria disse...

Belas imagens, mas é de se pensar se compensa o risco, uma vez que as vezes é aconselhável usar equipamentos de segurança para conseguir tal intento, concordas ou não?

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails