8 de set de 2016

A história de Tatiana e Krista Hogan, as gêmeas siamesas que dividem seus pensamentos

Tatiana e Krista Hogan nasceram no dia 25 de outubro de 2006 unidas pela parte superior, lateral e traseira de suas cabeças, uma condição conhecida como craniopagus. Atualmente, elas ainda são as únicas gêmeas siamesas nestas condições que vivem no Canadá, de acordo com a página oficial das meninas no Facebook.

Os médicos, à época, estavam céticos quanto à sobrevivência das irmãs, que completarão 10 anos em outubro deste ano. Tão surpreendente quanto isso, é o fato de que ambas podem compartilhar os mesmos pensamentos, embora possuam personalidades distintas e sejam capazes de pensar de forma individual. Isso ocorre porque elas compartilham uma parte sensorial do cérebro associada a tais ações.

Por exemplo, quando uma delas pega um brinquedo, a outra irmã, sem ao menos vê-lo, sabe exatamente o que foi apanhado, segundo informações do Gizmodo. Em entrevista ao site, a avó das meninas, Louise McKay, disse que se uma tem um pensamento que irrita a outra, elas começam a brigar, mesmo que nada tenha sido dito em voz alta.


Ainda de acordo com o Gizmodo, o pesquisador e neurocirurgião infantil Dr. Douglas Cochran, do Hospital de Vancouver, chegou a testar a capacidade cognitiva das gêmeas e descobriu que elas de fato conseguem compartilhar os pensamentos e sentidos.

“Seus cérebros estão gravando sinais do campo visual. Uma pode ver o que o outra está vendo”, disse ele. Contudo, apesar da condição que mantém as filhas unidas, a mãe disse estar muito feliz e agradecida pelo fato de estarem vivas.



Fonte



. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails