13 de set de 2012

Russo finge a própria morte para comprovar o amor da noiva


  • Depois a pede em casamento e ela se recuperando do susto, aceita

Um risco, ele teve sorte, pois poderia ter dado tudo errado, mas deu tudo certo e o final foi feliz. Não entendeu nada ainda?

Não ocorreu melhor ideia a Alexey Bykov, de 30 anos, para confirmar o sentimento de sua noiva por ele  de levar a prova até limites insondáveis. O bem-sucedido empresário russo contratou um diretor de cinema, vários especialistas, um roteirista para organizar um falso acidente de trânsito no qual perdia a vida. Alexey combinou com Irina, sua noiva, de encontrá-la em um lugar determinado, onde a esperava a cena dantesca.

  - "Quando cheguei tinha carros destroçados por todas as partes, as ambulâncias, a fumaça... uma carnificina", disse a jovem aos meios de comunicação russos. - "Então vi Alexey coberto de sangue, estirado na rua, e um paramédico disse-me que estava morto. Então desabei a chorar".


Feliz por ter cumprido seu desejo e satisfeito do amor que expressava sua garota, Bykov "ressuscitou" e, empapado de sangue, propôs casamento a aturdida Irina.

- "Eu queria que ela se desse conta do vazio que seria sua vida sem mim e de como a vida não faria sentido", disse o futuro chifrudo Bykov. "Acho que funcionou, ainda que prometi-lhe que seria a última vez".







. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails