29 de ago de 2014

Implantam a primeira vértebra impressa em 3D em um menino de 12 anos

As possibilidades da impressão 3D na medicina são fantásticas. Por exemplo, pode ser utilizado para plotar próteses a baixo custo ou para desenvolver talas para tratar ossos rompidos. 

Agora, cientistas da Universidade de Pequim fabricaram uma vértebra com uma impressora 3D para implantar em um menino de 12 anos.

A operação consistiu em substituir uma vértebra que tinha um tumor maligno com uma peça impressa em titânio. Como as próteses impressas em 3D podem ser feitas à medida do paciente, o implante não necessitou de nenhum adesivo nem parafusos; o médico teve a precaução de incluir poros no implante pára que os ossos possam crescer dentro da prótese naturalmente.

Liu Zhongiun, diretor do Departamento de Ortopedia da Universidade de Pequim, assinalou:


- "Ainda que a probabilidade seja muito baixa, é possível que, submetidos à pressão dentro do corpo a longo prazo, os implantes tradicionais se encaixem nos ossos gradualmente ou desacoplem. Mas não existirá esse problema para os implantes impressos em 3D."

Implantes com peças impressas em 3D são relativamente novos, pois apenas recentemente, há um par de anos, foram feitas as primeiras provas em humanos. Esperemos que a evolução desta operação seja positiva e que sigam abrindo as portas para uma medicina mais acessível e precisa graças aos avanços da tecnologia.


Fonte



. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails