24 de mai de 2015

Al Hajjarah, a cidade da Idade Média com edifícios de vários andares

A gente tem costume de pensar que os prédios são algo da era moderna? Mas nada mais equivocado e esta cidade da Idade Média é um exemplo disso. 

Os lugares onde eram alçadas as cidades, não por casualidade, eram escolhidas em função de questões estratégicas e comerciais que asseguravam sua proteção e prosperidade. Aproveitando os acidentes geográficos naturais, como rios, golfos, estuários, cordilheiras e despenhadeiros, os senhores alçavam suas fortalezas e muralhas.

O problema destas cidades fortificadas é que quanto maior era a riqueza do lugar, maior era sua população e menor o espaço para seus cidadãos. Sem poder crescer e expandir-se na largura ultrapassando a proteção das muralhas, os cidadãos tiveram que criar novos tipos de construções. A construção vertical converteu-se na solução e assim nasceram os precursores dos modernos blocos de apartamentos e arranha-céus.


Ainda que na maioria das cidades antigas os edifícios não ultrapassavam os dois ou três andares, existe uma antiga cidade do século XII que foi capaz de criar imponentes blocos de moradias como nenhuma outra. Al Hajjarah,no Iêmen, é uma cidade antiga construída sobre a borda de um abrupto precipício e famosa por seus imponentes prédios de pedra. 





A palavra Hajar significa pedra, e não pode ter um nome mais exato para descrever este antigo assentamento comercial. Al Hajjarah ou Hajjara como também é conhecida, foi construída nas montanhas de Kharaz no século XII pelo povo Sulaihids, convertendo-se em uma fortificação importantíssima durante a ocupação otomana do Iêmen.

A zona rica em pedreiras facilitou um fornecimento ilimitado de material de construção, o que tornou possível cimentar de forma segura os imponentes edifícios de pedra da cidade.

Quando foram construídos, eram os edifícios mais altos da região e os primeiros destinados à vida doméstica. Os esforços para levantar construções altas só acotecia com objetivos bélicos ou de defesa, nunca como moradias para o povo.


















. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails