22 de nov de 2016

Jovem com dor de estômago tem surpresa macabra no hospital

Na Índia, médicos tiveram uma surpresa desagradável quando tentaram descobrir a causa da dor de estômago de um jovem: era um feto malformado do seu gêmeo, que estava crescendo em seu abdômen.

Narendra Kumar, de 18 anos, foi levado para o Hospital Narayan Swaroop em Uttar Pradesh, uma província do norte da Índia, reclamando de dor de estômago, perda de peso e crises de vômitos.

A dor era na verdade abdominal, conforme os médicos relataram. 

Depois de um longo processo de diagnóstico, que envolveu ultrassom e tomografia computadorizada, os profissionais encontraram uma massa óssea com cabelos e dentes de 20 centímetros e de 2,5 kg no abdômen do jovem.



  • Fetus in fetu

A condição extremamente rara é causada por uma anomalia de desenvolvimento chamada “fetus in fetu”.

O que acontece é que um dos fetos, durante os estágios iniciais de uma gestação de gêmeos, envolve o outro. O irmão envolvido passa então a viver dos nutrientes fornecidos pelo sangue do gêmeo que o “engoliu”.

De acordo com o Dr. Rajeev Singh, “tecnicamente, o feto estava vivo e crescendo devido à atividade metabólica” no corpo de Narendra.

Fetus in fetu são geralmente encontrados no abdômen do gêmeo anfitrião, embora haja casos relatados de fetos sendo encontrados em crânios e até mesmo escrotos, entre outros lugares do corpo.

  • Dificuldade de diagnóstico

O Dr. Singh explica que a situação do jovem passou despercebida por tantos anos porque os médicos não puderam diagnosticar essa condição numa fase precoce.

“Em três horas de cirurgia, nós removemos uma massa de bebê malformado, que tinha cabelo, dentes, uma cabeça pouco desenvolvida, uma estrutura óssea de tórax e coluna, e uma grande quantidade de um líquido amarelado como o amniótico”, relata o médico.




. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails