30 de set de 2011

Homem de 63 anos é imprensado ao sair de cabine do Elevador Lacerda

  • Ele foi levado para o HGE e foi submetido a exames, segundo a Sesab


Um homem de 63 anos ficou imprensado na porta de uma das cabines do Elevador Lacerda, na manhã desta quarta-feira (28). Segundo testemunhas, o homem estava saindo da cabine quando a porta fechou e os sensores anti-esmagamento não teriam funcionado. Os passageiros do elevador conseguiram puxar o homem para dentro da cabine e informaram que o socorro demorou mais de vinte minutos para chegar.

O homem foi levado para o Hospital Geral do Estado, onde fez exames clínicos. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), ele recebeu alta hospitalar na tarde desta quarta-feira.

A Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador) argumentou por meio de nota que “o passageiro não foi imprensado entre as portas do elevador, e sim chocou-se contra elas no momento em que as mesmas se fechavam, após todos terem deixado a cabine”. Com o impulso o homem teria caído no corredor, na área externa do elevador. Questionada sobre o funcionamento do sensor anti-esmagamento, a Transalvador informou que o ascensor não possui o sistema por se tratar de um equipamento antigo.

Que medo, trabalho ao lado do Elevador e quase sempre utilizo ele para chegar a cidade baixa (Bairro Comércio) de Salvador. O elevador faz vergonha a Salvador, ele tem um péssimo atendimento, a maioria das cabines estão quebradas, é uma fila do cão e ainda faz um aclor infernal lá dentro. Salvador não merece ter um de seus principais ponto turístico degradado desse jeito.


. . .

Um comentário:

Sem chance... disse...

Construir uma torre tão alta, deu tanto trabalho meu rei! afff!!!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails