10 de jul de 2013

O homem do arbusto de San Francisco

  • Conhecido no mundo por dar sustos nos outros

Cada cidade tem ao menos um personagem conhecido e querido de todos. Na cidade de San Francisco não podia ser diferente, ali se encontra o já mundialmente famoso Bushman de San Francisco, cujo verdadeiro nome é David Johnson, que vem divertindo e assustando os transeuntes no cais dos pescadores nos últimos 30 anos, escondendo-se atrás de dois ramos de árvores, que são usados em um movimento brusco para dar um susto nos turistas desavisados quando eles passam.

O homem do arbusto de San Francisco é supostamente um homem sem-teto, nascido em Indiana, onde trabalhava como operador de guindaste e motorista de caminhão de uma usina antes de se mudar para San Francisco. Ali abriu uma engraxataria, mas a artrite e a crescente concorrência do movimentado distrito financeiro o obrigou a procurar uma nova maneira de ganhar a vida.


Depois de descobrir alguns galhos caídos debaixo de uma árvore, Johnson pensou em usá-los em um ato bobo de rua que acabaria por torná-lo famoso em todo o mundo. Sentado em um banquinho improvisado, o Bushman se esconde por trás dos galhos de eucalipto à espera de turistas. Quando chegam perto o suficiente, ele salta de trás da vegetação ou movimenta os galhos em sua direção assustando o transeunte, para a diversão dos espectadores nas proximidades, muitos dos quais premiam o seu desempenho jogando uma moeda em seu jarro.

David é considerado por muitos como uma verdadeira atração turística local. Mas nem todo mundo aprecia o seu ato. Ao longo dos anos, ele já teve problemas com a lei em mais de uma ocasião. Vários proprietários de restaurantes acusaram-no de bloquear a calçada e desviar o comércio de seus negócios, enquanto algumas das suas vítimas reclamaram ferimentos causados por seus galhos. Um homem sofreu um problema cardíaco depois do susto, uma mulher aposentada caiu e torceu o tornozelo, e uma outra senhora pulou para trás e, acidentalmente, bateu na mandíbula de sua mãe. Ele foi acusado de quatro delitos em 2004, mas foi absolvido por um júri, e a promotoria retirou todas as queixas por incômodo público.

O famoso "artista" de rua insiste que escolhe seus alvos com cuidado, tentando evitar as pessoas que acha que não gostariam de receber um bom susto ou que podem sofrer danos corporais. Ele disse que observa como as pessoas idosas são, como andam, como respiram, para determinar se são alvos dignos.

E o mais curioso é que, segundo a Wikipédia, David ganha em torno de quatro mil reais por mês, o que permitiu que contratasse um guarda-costas para protegê-lo de potenciais alvos que não gostem da brincadeira. Ademais David tem uma licença para seu número de rua e contribui para a economia, pagando seus impostos.









. . .

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails